A Barba e a Masculinidade | O que faz um homem de verdade?

O quanto a barba define a sua masculinidade? Homem só é “homem de verdade” quando tem uma barba para ostentar?

A gente cresce tendo uma visão imposta do que seria ser esse “homem de verdade”: aquele que não chora, que não demonstra afeto, que não demonstra vulnerabilidade.

Clica aí no botão vermelho e se inscreve no canal:

 

E a barba, geralmente, vem junto com esse ideal de um homem mais forte, menos vulnerável.

E aí eu acho que a gente acaba caindo numa armadilha de usar a barba como essa muleta para reforçar uma masculinidade que a gente quer mostrar para o outro, aquilo que a gente quer deixar transparecer, seja verdade ou não.

Mas “homem de verdade” é uma expressão que significa o quê afinal?

O tal “Homem de Verdade”

O que deveria valer mesmo é se você é um cara que é respeitoso, que tem coragem de reconhecer as próprias falhas e que tenta aprender com elas. Que não tem medo de demonstrar afeto, carinho, tristeza.

A gente vive numa sociedade que tenta botar gente numa caixinha e que a gente tem que ser sempre firme o tempo todo, forte o tempo todo. O que não é nada saudável.


Docs que valem a pena

Um ótimo documentário sobre este assunto é A Máscara em que Você Vive (The Mask You Live In).

Ele fala essa máscara de virilidade que somos ensinados a vestir desde crianças limitando nossa capacidade de demonstrar afeto, medo, de falar sobre nossos sentimentos, de pedir ajuda quando necessário.

Um outro documentário também nesse tema O Silêncio dos Homens, disponível aqui no YouTube.

Uma dica de Podcast pra ouvir é o do MEMOH, grupo criado pelo amigo Pedro de Figueiredo e que já tive o prazer de participar.

O MEMOH originalmente surgiu como encontros presenciais formados por grupos de homens que estão, de certa forma, incomodados com o comportamento nocivo padrão da masculinidade, comportamentos machistas que fomos condicionados a ter para sermos reconhecidos como “homens de verdade”.

Destes encontros nasceu um podcast que você encontra em todas as plataformas. 

A Barba e a Masculinidade

E aí voltando aqui pra barba, é muito fácil a gente cair nessa de botar a barba como esse troféu de um homem de verdade de um homem, que é másculo, durão.

Será que a gente não está usando a barba, não como um estilo e um acessório que podemos usar pra moldar o rosto, mas sim como uma máscara pra criarmos essa imagem pro outro?

A gente está falando aqui de cuidados com a barba, de produtos para barba, barba lenhador, barba espartana… e isso é uma evolução que não dá pra negar. Há pouco tempo homens não discutiam assim sobre a própria aparência.

Mas você vai cuidar da barba pra quê? Para você olhar no espelho e gostar daquilo que vê, para você se sentir bem, para você encontrar um estilo que você gosta, no qual você se reconhece?

Ou só pra parecer mais homem, mais forte, para parecer que é um “homem de verdade”?

Samuel Tonin

Samuel Tonin

Um nerd que curte escrever umas paradas, editar uns vídeos, tomar uns cafés, passar dias de chuva jogando videogame e fundador da Sobrebarba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *